O que acontece no pleno florescimento da soja?

Segundo Zanon et al. (2018), com base na escala fenológica de Fehr & Caviness (1977), uma planta de soja está no pleno florescimento – estádio R2, quando apresenta flores abertas em um dos dois nós superiores da haste principal com folha completamente desenvolvida.

Não consegue ler agora? Aproveita então para ouvir a versão em áudio deste post no player abaixo:


Figura 1. Planta de soja em estádio R2 com base na escala fenológica de Fehr & Caviness (1977).

Fonte: Stoller.

O que acontece no pleno florescimento da soja?

Nesse estádio, a evapotranspiração da planta é elevada e o requerimento hídrico da cultura aumenta, bem como o acúmulo de matéria seca e nutrientes na planta. Segundo Zanon et al. (2018), durante o florescimento da soja, ocorre um rápido aumento na taxa de fixação de nitrogênio atmosférico nos nódulos. Além disso, as flores exercem papel de dreno na planta, alterando a translocação de fotoassimilados da produção de folhas e hastes para a produção de flores.

Segundo Farias; Nepomuceno; Neumaier (2007), a temperatura assim como a disponibilidade hídrica são fatores fundamentais na floração da soja, podendo exercer influência positiva ou negativa sobre o florescimento. Conforme destacado pelos autores, a soja só é induzida a floração a temperaturas superiores a 13°C, entretanto, temperaturas elevadas podem prejudicar a cultura, sendo que temperaturas acima de 40°C podem causar efeito indesejado no crescimento da soja, alterando a taxa de crescimento e causando danos na floração.

Conforme destacado por Zanon et al. (2018), o déficit hídrico no período reprodutivo da soja pode causar abortamento de flores e futuros legumes. Quando associado o déficit hídrico a elevadas temperaturas no período reprodutivo da soja, danos ainda mais severos podem ser observados, comprometendo a produtividade da cultura.

Figura 2. Abortamento de flores de soja.

Fonte: Mais Soja.

O pleno Florescimento pode ocorrer simultaneamente; isto é, no mesmo dia do início do florescimento (R1), no caso das plantas com hábito de crescimento determinado, ou entre dois e sete dias após o R1, em plantas com hábito de crescimento indeterminado (Câmara, 2006).

Em virtude da alteração da translocação de fotoassimilados, a planta fica mais suscetível ao ataque de pragas e doenças, sendo indispensável o monitoramento das áreas de cultivo nesse período para identificação das espécies de pragas e/ou doenças e determinação do momento de controle.

Monitoramento de pragas

Atenção especial deve ser dada ao monitoramento de pragas como lagartas que atacam folhas, pecíolos, flores e vagens, tomando as devidas providencias para o controle dessas quanto atingido o nível de controle, assim como para percevejos que posteriormente poderão causar danos de ordem quantitativa e qualitativa nos grãos ou sementes de soja.

Por Maurício dos Santos – Mais Soja

Referências:

CÂMARA, G. M. S. FENOLOGIA É FERRAMENTA AUXILIAR DE TÉCNICAS DE PRODUÇÃO. Visão Agrícola, n. 5, 2006.

FARIAS, J. R. B.; NEPOMUCENO, A. L.; NEIMAIER, N. ECOFISIOLOGIA DA SOJA. Circular Técnica, n. 48. 2007.

FEHR, W.R.; CAVINESS, C.E. STAGES OF SOYBEAN DEVELOPMENT. Ames: Iowa State University, (Special Report, 80), 12p. 1977.

MAIS SOJA. QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS CAUSAS DO ABORTAMENTO EXCESSIVO DE FLORES E VAGENS? Equipe Mais Soja.

ZANON, A. J. et al. ECOFISIOLOGIA DA SOJA: VISANDO ALTAS PRDUTIVIDADES. Santa Maria, 136p. 2018.

Últimos posts

Fertilizante Foliar: O que é e Como Aplicar

Fertilizante Foliar: O que é e Como Aplicar

Fertilizante Foliar: O que é e Como Aplicar   O fertilizante foliar é um aditivo agrícola que, na agricultura moderna, emerge como uma ferramenta essencial no arsenal de qualquer produção agrícola. Além de melhorar significativamente a saúde geral das...

Nutrição foliar: o que é e como fazer  

Nutrição foliar: o que é e como fazer  

A nutrição foliar é uma técnica na agricultura, que possibilita o fornecimento direto de nutrientes às plantas através das folhas. Esta prática é uma evolução de métodos aprimorada com a ciência agrícola atual. Representa uma abordagem complementar à nutrição...

Como facilitar a fixação do nitrogênio pelas plantas?

Como facilitar a fixação do nitrogênio pelas plantas?

Realizar a fixação biológica do nitrogênio (FBN) em seu cultivo é uma prática fundamental e que contribui diretamente para o crescimento e desenvolvimento saudável das plantas. Afinal, a presença do nitrogênio é fato vital para a síntese de proteínas e de outros...

Como a biorregulação otimiza o desempenho das plantas?

Como a biorregulação otimiza o desempenho das plantas?

Em um cenário agrícola cada vez mais desafiador, otimizar o desempenho das plantas é uma meta essencial para garantir produtividade, qualidade e sustentabilidade. Uma abordagem inovadora e eficiente que tem ganhado destaque entre os profissionais com conhecimentos...

Inoculação na agricultura: o que é e como fazer  

Inoculação na agricultura: o que é e como fazer  

A agricultura é um dos pilares fundamentais da economia global e demanda constantes inovações e práticas aprimoradas. Dentro deste contexto, a inoculação é uma estratégia de destaque na promoção do crescimento vegetal. Neste artigo, você entenderá: o que é a...

Compartilhar:

0 comentários

Recommended
Durante o estádio reprodutivo da soja, uma série de cuidados…
Cresta Posts Box by CP