Granação do café: a fase do enchimento dos grãos

Das fases de desenvolvimento do cafeeiro, a granação do café deve receber atenção especial, pois influenciará no rendimento final, ou seja, em litros de café colhidos da lavoura para produzir uma saca beneficiada de 60 kg. Nesta fase há a migração dos carboidratos de ramos e folhas para a formação do grão de café.

Não consegue ler agora? Aproveita então para ouvir a versão em áudio deste post no player abaixo:

Durante a fase de frutificação do cafeeiro, a formação do grão (endosperma) inicia-se com a expansão (F2), fase em que a camada interna se encontrava aquosa e leitosa, responsável pelo tamanho de peneira dos grãos e a solidificação da camada interna durante a granação (F3), responsável pelo peso de grãos. Portanto, frutos de café com grãos de maior peneira e com maior peso garantem maior rendimento final. A fase de granação que antecede a maturação, geralmente acontece entre os meses de janeiro a abril e é influenciada pelas floradas, clima e altitude. No final da granação, há a formação de duas sementes envolvidas pelo pergaminho.

Frutos verdes com seu tamanho definido e em fase de granação

Aspectos Fisiológicos da granação do café

Nesta fase, os carboidratos sintetizados nas folhas e armazenados nos ramos são transportados para os frutos, onde servirão como fonte de reserva para o desenvolvimento dos frutos. O processo fisiológico de enchimento dos frutos é formado por quatro etapas:

1. Produção de açúcares (fotossíntese);
2. Carregamento dos açúcares no floema;
3. Transporte de açúcares pelo floema;
4. Descarregamento dos açúcares do floema para o fruto;

Fatores que contribuem para uma boa granação do café

Na fase de granação há uma competição por nutrientes e reservas (carboidratos) entre os grãos e a parte vegetativa, portanto é importante garantir uma planta bem nutrida e que a adubação que antecede o momento de granação esteja condizente com a carga pendente da lavoura. Isso porque os frutos acumulam 33% da energia produzida pelo cafeeiro nesta fase. A reposição hormonal em momentos anteriores irá proporcionar uma maior eficiência fotossintética, contribuindo para o acúmulo de reservas para atender a demanda de grãos e vegetação.

Além de uma adubação para atender a demanda dos frutos e da vegetação e da reposição hormonal, é de suma importância que haja a disponibilidade de água no solo, que servirá como meio de transporte de fotoassimilados e sais minerais para o enchimento, garantindo alto percentual de peneira maior e peso de grãos


.

Fatores que podem prejudicar a granação

As altas temperaturas aliadas ao estresse hídrico impactam diretamente na granação. Nessas condições há o fechamento dos estômatos afetando o transporte de água no sistema solo – planta – atmosfera e, consequentemente prejudicando a fotossíntese. Além disso, uma planta com restrição hídrica afeta a translocação dos nutrientes e carboidratos para os grãos. Já as temperaturas altas prejudicam a fotossíntese do cafeeiro, que passa a ser nula a 34°C e consomem parte dos carboidratos para a respiração e manutenção da planta.

As invertases, enzimas responsáveis pela quebra de sacarose em hexoses, disponibiliza às células, carbono e energia para os processos de respiração e síntese de novos compostos, são afetadas por altas temperaturas, limitando o carregamento e descarregamento destes açúcares no floema.

Os estresses abióticos irão resultar em perdas como “frutos mal granados” e “chochamento”, levando as perdas de rendimento, consequentemente de produtividade e rentabilidade.

A fase de enchimento (granação) é o momento em que o cafeicultor coroa todos os esforços realizados desde o início da safra, transformando grãos em grana! O time de especialistas do campo da Stoller está pronto para ajudar você! Tire suas dúvidas ou agende uma consulta técnica.

Últimos posts

Estratégias de Colheita e Pós-Colheita para Culturas de Verão

Estratégias de Colheita e Pós-Colheita para Culturas de Verão

Conhecer as estratégias de colheita específicas para cada cultura é fundamental para a garantia de máxima qualidade do produto. Uma das principais dicas é conhecer o momento ideal para a colheita, levando em consideração fatores como o estágio de maturação da planta e...

Entenda o Papel dos Macronutrientes na Nutrição das Plantas

Entenda o Papel dos Macronutrientes na Nutrição das Plantas

Os nutrientes são elementos químicos essencialmente requeridos pelas plantas para que estas possam crescer, desenvolver e deixar descendentes. Hoje, existem 17 elementos cuja essencialidade foi comprovada pela pesquisa: C, H, O, N, P, K, Ca, Mg, S, B, Cl, Cu, Fe, Mn,...

Maximizando a Produtividade da Soja no Sul com Soluções Stoller

Maximizando a Produtividade da Soja no Sul com Soluções Stoller

Maximizar a produtividade da soja no Sul do Brasil é um desafio diante das situações climáticas da região. E para atingir esse objetivo, é essencial a implementação de estratégias agronômicas e tecnologias inovadoras, visando não apenas ao aumento quantitativo, mas...

Fertilizante Foliar: O que é e Como Aplicar

Fertilizante Foliar: O que é e Como Aplicar

Fertilizante Foliar: O que é e Como Aplicar   O fertilizante foliar é um aditivo agrícola que, na agricultura moderna, emerge como uma ferramenta essencial no arsenal de qualquer produção agrícola. Além de melhorar significativamente a saúde geral das...

Nutrição foliar: o que é e como fazer  

Nutrição foliar: o que é e como fazer  

A nutrição foliar é uma técnica na agricultura, que possibilita o fornecimento direto de nutrientes às plantas através das folhas. Esta prática é uma evolução de métodos aprimorada com a ciência agrícola atual. Representa uma abordagem complementar à nutrição...

Como facilitar a fixação do nitrogênio pelas plantas?

Como facilitar a fixação do nitrogênio pelas plantas?

Realizar a fixação biológica do nitrogênio (FBN) em seu cultivo é uma prática fundamental e que contribui diretamente para o crescimento e desenvolvimento saudável das plantas. Afinal, a presença do nitrogênio é fato vital para a síntese de proteínas e de outros...

Como a biorregulação otimiza o desempenho das plantas?

Como a biorregulação otimiza o desempenho das plantas?

Em um cenário agrícola cada vez mais desafiador, otimizar o desempenho das plantas é uma meta essencial para garantir produtividade, qualidade e sustentabilidade. Uma abordagem inovadora e eficiente que tem ganhado destaque entre os profissionais com conhecimentos...

Inoculação na agricultura: o que é e como fazer  

Inoculação na agricultura: o que é e como fazer  

A agricultura é um dos pilares fundamentais da economia global e demanda constantes inovações e práticas aprimoradas. Dentro deste contexto, a inoculação é uma estratégia de destaque na promoção do crescimento vegetal. Neste artigo, você entenderá: o que é a...

Compartilhar:

0 comentários

Recommended
Você sabia que folha de milho amarela ou roxa pode…
Cresta Posts Box by CP